A Prefeitura de Descalvado, por intermédio da Secretaria de Saúde, divulgou os resultados da pesquisa de satisfação dos usuários em relação aos serviços prestados pela Farmácia Municipal. A pesquisa foi realizada entre os dias 4 de novembro e 16 de dezembro, por meio de um formulário on-line, sendo que os resultados foram apresentados pelo Diretor Wander Boneli ao prefeito Becão na última sexta-feira (23).

A Pesquisa de Satisfação tem o intuito saber a opinião dos Usuário do SUS sobre a qualidade do serviço e do atendimento que está sendo ofertado visando melhorias contínuas para promover a satisfação dos pacientes. Houve 318 registros nominais, 238 e-mails registrados, 318 contatos telefônico, 318 datas de nascimento, 318 respostas sobre a dificuldade de acesso ao serviço e 155 comentários.

De acordo com os dados quantitativos e qualitativos apresentados, 68,2% dos usuários que aceitaram participar da pesquisa afirmaram que sempre utilizam os serviços oferecidos pela Farmácia Municipal, sendo que os demais (31,8%) declaram utilizar os serviços apenas quando necessário.

A pesquisa também demonstrou que destes usuários, 97% procuram pelo setor para buscarem medicamentos e os demais (3%) para suplementos. Quanto a origem das receitas médicas e odontológicas, 82% são provenientes do sistema SUS, 16% de convênios e 2% particulares.

Já em relação ao atendimento dos profissionais da Farmácia Municipal, 73,3% responderam “ótimo”, 25,5% “bom”, 0,3% “excelente e 0,9% “ruim”. Os índices de satisfação da Farmácia Municipal como um todo (de modo geral), também demonstraram que 99,4% dos usuários classificaram os serviços prestados pelo setor como “bom”, “ótimo” ou “excelente”, com índices que apontam para 68,2%, 31% e 0,2%, respectivamente.

O diretor da Secretaria de Saúde destacou a importância dos usuários responderem o questionário, e salientou que os resultados apontam para aquilo que o senso comum já demonstrava: que os serviços da Farmácia Municipal são prestados com excelência e correspondem de forma satisfatória à demanda da população descalvadense. “O preenchimento da avalição é fundamental para identificarmos problemas inerentes que são perceptíveis somente a quem utiliza os serviços da rede pública municipal. São detalhes que podem fazer a diferença, e cada um com a sua opinião consegue nos remeter informações importantíssimas para que sejam levadas em conta e assim traçarmos um plano para solucionar os problemas apontados e direcionar o nosso trabalho melhor”, enfatizou Boneli.