Várias regiões na cidade foram afetadas. Equipes da prefeitura continuam na ruas na manhã deste domingo (10) visitando os locais mais atingidos.

O temporal com granizo que atingiu Pirassununga (SP), na noite de sábado (9), destelhou muitas casas, derrubou árvores e deixou muitos bairros sem energia elétrica e internet. Um morador flagrou a força da chuva em um posto de combustíveis.

Várias regiões na cidade foram afetadas. Equipes da prefeitura continuam na ruas na manhã deste domingo (10) visitando os locais mais atingidos.

Segundo a Defesa Civil, foram 42 milímetros de chuva. Não há informações sobre feridos. Em nota, a Elektro afirmou que trabalha para restabelecer o fornecimento de energia.

Estragos

A maioria dos bairros da cidade teve registro de estragos por causa do temporal. Apenas a região norte da cidade não apresenta falta de energia elétrica e internet, segundo a Defesa Civil.

A Santa Casa também está sem energia elétrica nesta manhã, funcionado apenas com o auxílio de geradores. Apenas atendimento de urgência e emergência estão sendo realizados.

Ruas ficaram cobertas pela água e os motoristas tiveram dificuldade para trafegar nas vias. Um trecho da Rodovia Anhanguera (SP-330) ficou coberta com o granizo.

Segundo a concessionaria Intervias, que administra o trecho, houve a queda de uma árvore e o rompimento de um fio de alta tensão no km 214, na pista sentido sul, após o pedágio de Pirassununga.

O telhado de uma casa no bairro Parque Eucaliptos teve a parte da frente destruída com a tempestade. A moradora enviou um vídeo para a EPTV, afiliada da TV Globo, mostrando a quantidade de pedras de gelo que ficaram acumuladas no quintal dela.