Uma ave foi apreendida e 4 multas foram aplicadas em uma ação conjunta da Divisão Municipal de Fiscalização Ambiental e da Polícia Ambiental realizada na última segunda-feira (27), em Descalvado.

De acordo com o chefe da Divisão Municipal de Fiscalização Ambiental, Dario Maio, as ações ocorrem após denúncia, onde a fiscalização foi até dois locais distintos do município (Parque Milênio e Recanto Luigina) e acabou encontrando aves silvestres mantidas em cativeiro.

Uma das aves localizadas pela fiscalização ambiental foi aprendida, e as demais foram mantidas como a condição de fiel depositário junto aos infratores, no local onde foram localizados, por se tratarem de aves que não teriam mais condições de serem devolvida a natureza. Além da apreensão da ave, os responsáveis por manter as aves em cativeiro receberam um total de 4 multas, e ainda poderão responder por crime ambiental.

Ainda segundo a equipe de fiscalização, além do recebimento de denúncias, ações regulares de fiscalização deverão ser intensificadas até o final do ano.

É possível ajudar a combater o tráfico de animais denunciando aos órgãos responsáveis, como o Ibama, a Polícia Militar Ambiental ou pelo 190. A Prefeitura de Descalvado também mantém um canal de denúncias, através do telefone (19) 3583-6006.