Subscribe Now

* You will receive the latest news and updates on your favorite celebrities!

Trending News

28 jul 2021

Blog Post

Ismael sugere intérprete de Libras para transmissão das sessões da Câmara Municipal
Câmara Municipal

Ismael sugere intérprete de Libras para transmissão das sessões da Câmara Municipal 

O vice-presidente da Câmara Municipal, vereador Ismael Franceschini (MDB) sugere à Presidência do Legislativo a contratação de um intérprete da Língua Brasileira de Sinais (Libras) para tradução das sessões ordinárias e extraordinárias.

Para ele, trata-se de uma maneira de democratizar o acesso à informação dos cidadãos portadores de deficiência auditiva. “É uma medida fundamental para a inclusão social da comunidade surda”, diz.

Por ser uma comunidade minoritária linguística e culturalmente, os surdos enfrentam inúmeras barreiras na acessibilidade a diversos serviços, em especial nos serviços públicos”.

Ismael observa ainda que “a inserção de um intérprete de Libras na Câmara Municipal possibilita à comunidade surda seu exercício de cidadania e participação, bem como uma compreensão do que é tratado nas sessões legislativas”.

Calçamento

O vereador solicita calçamento do passeio público no entorno do terreno situado entre as Ruas Sílvio Schirolli e Rua Jayme Whitacker Penteado, no bairro São Sebastião, para maior segurança de pedestres e moradores.

Naquele cruzamento existe um terreno sem edificações, tomado por mato e sujeira. Além disso, o local não dispõe de calçamento no passeio público, de modo que os pedestres transitam pelo leito carroçável da via pública, junto com os veículos, o que aumenta o risco de acidentes”, afirma.

Jardim do Lago

Ismael solicita serviços de infraestrutura e asfaltamento nas Ruas Alcides Tiengo, João Francisco Ravazi, Carlos Alton, Etelvina da Matta, João Donizetti Trombini, Irmã Tereza Stafuzza e Clóvis Alvares Ferreira Junior, localizadas no Jardim do Lago.

Segundo ele, estas foram as últimas a serem loteadas antes da alteração da lei em 2002, quando a responsabilidade de asfaltar o local ficou sendo do loteador e não mais da Prefeitura.

O vice-presidente relata ter sido procurado por moradores que “anseiam pelo asfaltamento das vias, para que os veículos e pedestres possam transitar com maior segurança; além disso, no tempo seco a poeira das vias públicas entra nas casas, causando, inclusive, problemas respiratórios”.

Related posts