Chefe do Centro de Saúde esteve na Câmara Municipal para explicar procedimentos e cronograma de imunização.

A chefe do Centro de Saúde “Vital Brasil”, enfermeira Michele Longo, esteve na Câmara Municipal na tarde de quinta-feira, 4 de fevereiro, para esclarecer os vereadores sobre a campanha de vacinação contra a covid-19 em Descalvado.

A visita serviu para responder os ofícios encaminhados pelos vereadores à Secretaria de Saúde questionando sobre a vacinação e sobre possível ocorrência de “fura fila”.

A gestora garantiu que o Município segue estritamente as determinações do governo do Estado e que a fila não foi furada. Ela também falou sobre os procedimentos e o cronograma de vacinação da população.

Michele Longo explicou que por determinação do Estado, todos os serviços de saúde públicos e privados que estão atuando na campanha “são obrigados a informar diariamente as doses aplicadas da vacina contra a covid-19 de forma nominal no Sistema de Informação”.

De acordo com ela, a primeira fase da campanha de vacinação é destinada a pessoas com 60 anos ou mais residentes em instituições de longa permanência; pessoas a partir de 18 anos com deficiência, residentes em residências inclusivas; indígenas; quilombolas; e, trabalhadores da saúde. Ainda conforme Michele Longo, até o momento, para início da segunda etapa serão incorporados os idosos com 90 anos ou mais e, na sequência, idosos de 85 a 89 anos.